Blog Pointer Revestimentos Cerâmicos
Main Navigation
Search Button
Site Pointer
Close Menu

Vai rebocar a parede? Veja 3 dicas para fazer um trabalho bem-feito!

Dicas técnicas
Autor: Pointer - Data:

Muitas pessoas têm dúvidas na hora de fazer serviços construtivos em suas casas, e rebocar parede está entre os trabalhos mais comuns.

O reboco, ou massa fina, nada mais é do que uma camada que prepara a superfície da parede para receber pintura. Essa camada pode ser feita de argamassa de areia e cal, industrializada ou não, ou ser substituída por massa corrida.

Para que o reboco seja aplicado corretamente, é fundamental que as ferramentas certas sejam utilizadas e estejam em boas condições. Também é preciso respeitar os prazos mínimos para começar sua execução.

Tem curiosidade em saber como fazê-lo? Então acompanhe a nossa lista com três dicas para rebocar a parede e obter um acabamento de qualidade!

1. Determine as superfícies que serão trabalhadas

As argamassas para reboco são compostas de água, agregados miúdos (areia), aglomerantes inorgânicos (cimento e cal) e eventualmente aditivos. Sua composição e traço variam de acordo com o ambiente, sendo diferentes para paredes internas e externas.

Para quem não quer ter trabalho com dosagem dos componentes, é possível adquirir argamassa pronta, que exige apenas a adição de água antes do uso.

É fundamental seguir as recomendações do fabricante em relação ao volume de água a ser adicionado. Caso contrário, você poderá ter problemas como trincas e fissuras que surgem durante a secagem da massa.

Para evitar o desperdício, é importante que você determine quais paredes vão receber a camada de reboco. Dessa forma será possível calcular com precisão a quantidade de argamassa que será utilizada.

Diferença entre emboço e reboco

É importante entender diferentes etapas da obra para fazer a execução correta. No caso de paredes, existem três camadas de acabamento que seguem a seguinte ordem: chapisco, emboço e reboco. Saiba mais sobre a função de cada uma:

  • o chapisco é a base e costuma ter espessura entre 3mm e 5mm. Ele deixa a superfície áspera e serve para garantir aderência entre a alvenaria e a próxima camada;
  • o emboço tem como função vedar, regularizar e proteger a base contra agentes nocivos. A espessura varia entre 1,5cm a 2cm nas áreas internas e 3cm a 4cm nas superfícies externas;
  • o reboco é aplicado após a cura do emboço e serve para dar acabamento final à parede. Também chamada massa fina, essa camada costuma ter 5mm de espessura e mantém a base lisa e pouco porosa — condição ideal para o recebimento de pintura e outros revestimentos.

2. Providencie bons equipamentos e materiais de qualidade

Como todas as etapas de obra, o reboco deve ser executado com materiais de qualidade e equipamentos específicos. Eles são necessários para melhorar a qualidade do serviço, aumentar sua produtividade e garantir o visual homogêneo da superfície.

Abaixo listamos as principais ferramentas e quando elas são utilizadas:

  • colher de pedreiro: usada para mexer e trabalhar com a argamassa;
  • desempenadeira lisa: utilizada para dar acabamento ao reboco;
  • régua de alumínio de 2m: usada na conferência de planicidade da parede;
  • prumo: usado para conferir o prumo de paredes;
  • esponja macia: usada para dar acabamento à superfície;
  • trincha: utilizada para umedecer as superfícies;
  • recipiente plástico: utilizado para misturar a argamassa.

3. Respeite os prazos técnicos de cada etapa

Antes de rebocar parede, é necessário que os processos de chapisco e emboço já tenham sido finalizados. Para que o revestimento exerça sua função corretamente, é muito importante que os prazos entre as etapas de execução do revestimento sejam respeitados.

A tabela abaixo mostra os prazos mínimos entre cada uma das etapas.

SERVIÇO EXECUTADO SERVIÇO ANTERIOR
Emboço 03 dias após o chapisco
Assentamento das placas

cerâmicas

Argamassa COM cal 21 dias após o emboço
Argamassa SEM cal 14 dias após o emboço
Rejuntamento das juntas de assentamento 03 dias após o assentamento
Tratamento das juntas de movimentação com selante 07 dias após o rejuntamento

Seguindo todas as etapas na ordem apresentada e respeitando o tempo certo entre cada trabalho, você conseguirá rebocar a parede com sucesso. Esses cuidados são fundamentais em qualquer serviço para reforma ou construção de novos ambientes.

Se você gostou deste post e acredita que ele poderá ajudar outras pessoas, compartilhe-o nas suas principais redes sociais!

#VivaSuaCasa #DesignDemocrático #DicaPointer #Decoração #MaisDesignEmSuaVida